As 7 Maravilhas da Natureza eleitas pela New7Wonders

As 7 Maravilhas da Natureza eleitas pela New7Wonders
A América do Sul ganhou com a Floresta Amazônica e a Foz do Iguaçú

domingo, janeiro 22, 2012

Rio + 20

Por Dinalva Heloiza

 2012 Ano Internacional da Energia Sustentável para Todos
(Promulgado pela ONU e declarado pela UNESCO - Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura) 

A Energia Sustentável, é uma das maiores oportunidades em transformação de vidas, de economias, e de todo o nosso planeta.

Sem o acesso à energia sustentável, não existe desenvolvimento sustentável. Uma em cada cinco pessoas em todo o planeta, não tem acesso à energia comum. Em todo o planeta, o dobro desse número, o que totaliza três bilhões de pessoas, ainda dependem da madeira, carvão, ou resíduos animais, para cozinhar e se aquecerem. Em tempos de economia global, isso se torna injusto - e insustentável.

Já nos países industrializados o maior problema são os resíduos, e não a escassez, o que ocorre devido ao uso ineficiente da energia. Em todo o mundo, a excessiva dependência dos combustíveis fósseis, em fonte de energia básica, contribui significativamente para as perigosas alterações climáticas e o conseqüente aquecimento global.

A chave para ambos os desafios é o fornecimento de energias sustentáveis para todos 
- A energia que é acessível, de forma mais limpa e com mais eficiência.

A Energia sustentável oferece novas oportunidades em crescimento durante as intempéries que assolam por efeito da crise econômica. A utilização da energia sustentável permite que as empresas voltem a crescer, a gerar empregos e a criar novos mercados. Milhões de jovens,  crianças, mulheres e adultos, são possibilitados de um retorno aos estudos em período noturno. Os países, desenvolvem um crescimento revigorado e fortalecido, e as economias se desenvolvem com mais competitividade.

Com a energia sustentável, é possível aos países, ultrapassarem os limites dos sistemas energéticos do passado, e desenvolver suas economias do futuro, com um modelo de energia limpa. A energia sustentável para todos é um investimento necessário ao futuro de todo o planeta.

Energia Sustentável Iniciativa para Todos

O Secretário-Geral lançou recentemente uma nova e pioneira iniciativa", a Energia Sustentável para Todos, "como forma de mobilizar uma ação global e urgente.
A iniciativa contempla:  todos os setores da sociedade nas seguintes escalas: empresas, governos, investidores, grupos da comunidade e universidades. As Nações Unidas é a instituição ideal para convocar estes atores a forjar uma causa comum de apoio aos três objetivos inter-relacionados:
·         Assegurar o acesso universal a serviços energéticos modernos.
·         Aumentar em duas vezes a taxa de melhoria da eficiência energética.
·         Aumentar em duas vezes a quota das energias renováveis ​​no cabaz energético global.

Estes objetivos são complementares. O progresso na consecução de um pode contribuir com o progresso em direção a outros. È imperioso que todos devam ser alcançados até a data de  2030, e todas as iniciativas são necessárias para atingir a energia sustentável.

O Secretário-Geral contribui para o Ano Internacional da Energia Sustentável para Todos em 2012, assim como firmaram esta contribuição todos os Estados-Membros das Nações Unidas, através da mobilização e da ação conjunta de todos os principais interessados. 

Além disso, como parte da Iniciativa do Energia Sustentável para Todos, a Fundação das Nações Unidas lançou um novo acesso mundial de energia Rede Practitioner . Este grupo reunirá profissionais do setor privado e da sociedade civil, os quais trabalham juntos no fornecimento de serviços energéticos e soluções relacionados à eletrificação em uma escala de desenvolvimento dos países e no contexto de uma abordagem mais integrada ao acesso e ao planejamento energético, e execução de apoio à Energia Sustentável para Todos, tendo como  alvo principal alcançar o acesso universal de energia até 2030. 

A Rede vai se concentrar em ambos os aspectos, domésticos e de eletrificação, a nível de comunidade para fins produtivos, incorporando aplicações específicas e baseadas no mercado, na saúde, agricultura, educação, pequenos negócios, comunidades e soluções domésticas.

A liderança para energizar



Duas das principais figuras do mundo dos negócios e dos serviços públicos, Charles Holliday, presidente do Bank of America, e Kandeh Yumkella, presidente da ONU-Energia e Diretor-Geral da Organização de Desenvolvimento Industrial das Nações Unidas, e co-presidente do Secretário-Geral do Grupo de Alto Nível, juntamente com outros ilustres membros do Grupo de Alto Nível, que irá mobilizar compromissos de todos os setores da sociedade para ampliar o acesso a energia, e mais,  melhorar a eficiência e aumentar a captação de energia renovável.


Os compromissos para catalisar a ação




Novos compromissos em alta escala no contexto da energia sustentável para todos, os irá conduzir ao terreno e a ação. Durante a realização da Rio +20, a Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável, que acontecerá no Rio de Janeiro,  o Secretário-Geral convidará a todos os interessados ​​em anunciar seus compromissos de apoio a uma Agenda de Ação,  visando gerar impulsos ao jogo de mudanças, e ao futuro energético sustentável.

 Os compromissos com esta ação serão transparentes e monitorados. Estes compromissos serão forjados a assumirem diversas formas em direção a empresa, aos ministérios, e aos milhares de comunidades locais em todo o mundo.

·         Os governos estão aptos a desenvolverem plano nacional de energia e metas, e mais, prestar apoio financeiro, remover tarifas e perversos subsídios.

·         A Empresa está apta a realizar suas operações e cadeias de suprimentos de forma mais eficiente na utilização da energia, estabelecer parcerias público-privadas para expandir produtos energéticos e serviços sustentáveis ​​.

·         Investidores estão aptos a fornecer capital inicial para tecnologias limpas e investir tanto em mercado aberto, quanto nas soluções fora da rede de energia.

·         Indústria, governo e universidades estão aptos a contribuir com novas pesquisas, onde os . grupos da sociedade civil, estarão contribuindo, em treinamento de pessoas, formação de condutas de direito, e incentivo a transparência.

A construção do futuro que queremos através da Energia Sustentável

A Conferência Rio +20, será o capítulo de abertura desta iniciativa. Inúmeros esforços no intuito de ampliar a utilização da energia sustentável já tiveram início e irão se ampliar nas próximos duas décadas.

A Energia sustentável para todos, é uma idéia cujo tempo chegou. Transformar idéias em ação depende de todos. Não há tempo comparável ao presente para viabilizar um futuro melhor.

Por isso a chamada se inicia agora, é tempo de Energia Sustentável Para Todos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente essa Postagem

Postagens populares

ONU Brasil

Portal IBRE

Governo de Goiás

São Paulo