As 7 Maravilhas da Natureza eleitas pela New7Wonders

As 7 Maravilhas da Natureza eleitas pela New7Wonders
A América do Sul ganhou com a Floresta Amazônica e a Foz do Iguaçú

quinta-feira, março 22, 2012

Dia Mundial da Água

Dinalva Heloiza

Comemorações em Goiás ao Dia Mundial da Água, resgatam benefícios ambientais e financeiros a uma parte da população, por meio do Programa “Olho no Óleo”, realizado pelo governo do Estado.

O Governador do estado de Goiás, Marconi Perillo, lançou na manhã de hoje em Goiânia, por intermédio da Saneago – empresa de Saneamento em Goiás - um Programa com a perspectiva de redução do impacto ambiental provocado pelo acúmulo de resíduos sólidos derivados do descarte dos óleos vegetais, utilizados na cozinha e na produção de alimentos, onde a destinação final desse produto, provoca um caos aos sistemas de esgotamento sanitário, encarecendo os processos das Estações de Tratamento de Efluentes.
O Programa intitulado “Olho no Óleo” é uma ação, desenvolvida pela diretoria Comercial e de Marketing da empresa, e faz parte das Comemorações do estado de Goiás, relativas ao Dia Mundial da Água, celebrado mundialmente hoje, através de uma Declaração da ONU - Organização das Nações Unidas, em 1992, como parte do calendário oficial das comemorações da Organização em todo o mundo.

Com o slogan “Bônus para você e para o Meio Ambiente”, o Programa pretende reduzir o impacto provocado pela utilização do óleo de cozinha, que é descartado indevidamente nas redes de esgotamento sanitário.

Segundo os objetivos do programa, todos estão aptos a participarem e até mesmo lucrar com a iniciativa. Para os devidos fins, serão instalados oito pontos de coleta, sendo seis em Goiânia e dois em Aparecida de Goiânia, localizada na região metropolitana da capital, onde os participantes irão receber um crédito de R$ 0,50 por cada litro de óleo usado. Este crédito virá em forma de bônus, e será descontado da fatura de água e esgoto. Bares, hotéis, restaurantes, lanchonetes e condomínios, grandes geradores de resíduos, poderão acionar o Ligue Saneago – através do número “115”, para realizar seu cadastro e integrar a rota de coleta das viaturas do programa.

Conforme apontam estudos, Goiânia e Aparecida somam mais de 525 mil residências, com descarte médio por unidade habitacional de 1,4 litro/mês de óleo usado, o que perfaz um total médio superior a 735 mil litros/mês.  Quanto aos 1.533 estabelecimentos comerciais, - bares, restaurantes, hotéis e similares - totalizam 136 litros/mês cada um deles, gerando um descarte superior a 208 mil litros de óleo usado/mês.

Com a implantação do Programa “Olho no Óleo”, é possível evitar que quase 950 mil litros de óleo utilizado, sejam descartados em redes de esgotamento sanitário e em mananciais. O descarte residencial desse resíduo, da forma que ainda é feita, escoando muitas vezes, pelas redes residenciais ligadas ao esgotamento público, geram um aumento em até 25% em custos de manutenção da rede, e o pior ainda, quando esse resíduo se integra aos cursos d'água, ocorre um prejuízo a oxigenação, provocando a destruição de plantas e morte dos peixes.

O objetivo do Programa é reciclar esse produto encaminhando o mesmo a produção de biodiesel.  O Programa é um grande destaque ao compromisso da Saneago, e do governo do estado de Goiás, na preservação do meio ambiente e com a responsabilidade socioambiental.

O gerenciamento desses resíduos promove uma melhor qualidade de vida às comunidades beneficiadas e demonstram os compromissos gradativos das políticas publicas em Goiás, em preservação e gestão dos recursos naturais e ambientais.   

O Programa Olho no Óleo, que inicialmente está sendo lançado em Goiânia e Aparecida de Goiânia, deverá ser estendido a outras cidades do estado, ainda no decorrer deste ano. Os oito postos instalados pra coleta, já estão funcionando a partir desta quinta-feira, sendo seis em Goiânia e dois em Aparecida de Goiânia.

Locais das coletas:

Goiânia: Agência de atendimento na sede da Saneago; Distrito do Setor Leste Universitário; Agência de atendimento da Saneago do Setor Pedro Ludovico; Distritos Norte e Oeste e Vapt-Vupt de Campinas.

Aparecida de Goiânia: Distrito de Aparecida e Agência de atendimento no centro da cidade.


A solenidade de lançamento do Programa aconteceu na Estação de Tratamento de Água- ETA governador Mauro Borges, e contou com a apresentação do Coral Canto das Águas. Os discursos foram enfatizados na importância em preservação do meio ambiente.

O governador Marconi, que optou por um discurso espontâneo, disse que durante o início da solenidade ele refletia sobre a ética e compromissos públicos políticos, onde frisou, que “Ser ético é tomar decisões que impliquem efetivamente na melhoria da vida das pessoas. É ter coragem para tomar decisões, muitas vezes incompreendidas por minorias, e eu estou tendo coragem para tomá-las”.

Estiveram presentes os secretários Igor Montenegro, das Cidades e Leonardo Vilela, do Meio Ambiente, o vereador Virmondes Cruvinel. O presidente da Saneago, Nilson Freire, o vice-presidente, Rubens Marques e os diretores: Comercial, Luiz Humberto Gonçalves Gomes, de Administração, Mauro Henrique Nogueira, de Produção, Eduardo Afiune, de Engenharia, Olegário Martins, e Finanças, Júlio Cézar Vaz.


Fonte: Saneamento de Goiás

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente essa Postagem

Postagens populares

ONU Brasil

Portal IBRE

Governo de Goiás

São Paulo

Postagens