As 7 Maravilhas da Natureza eleitas pela New7Wonders

As 7 Maravilhas da Natureza eleitas pela New7Wonders
A América do Sul ganhou com a Floresta Amazônica e a Foz do Iguaçú

quarta-feira, março 07, 2012

Mulheres


Ministra Eleonora Menicucci fala na ONU sobre desafios mulheres do campo e da floresta

7 de março de 2012 · Comunicados


 


A Ministra da Secretaria de Políticas para as Mulheres, Eleonora Menicucci, declarou nas Nações Unidas, em Genebra, que as mulheres rurais brasileiras ainda enfrentam muitos desafios, tais como trabalho focado no autoconsumo e baixa renda monetária. “Elas são as principais responsáveis pela preservação dos bens da natureza e guardiãs de conhecimentos tradicionais, mas ainda dispõem de menor acesso à terra e a outros recursos produtivos, e permanecem minoritárias no acesso aos serviços rurais e nos espaços de poder de decisão.”
Para promover o fortalecimento de organizações produtivas de mulheres rurais, Menicucci e o Ministro do Desenvolvimento Agrário, Afonso Bandeira Florence, assinam hoje (07/03), em Brasília, o Acordo de Cooperação: Cidadania e Autonomia para Mulheres Rurais – Integração das políticas públicas para mulheres rurais.
A parceria se dará por meio dos organismos estaduais de políticas para mulheres de Alagoas, Acre, Bahia, Paraíba e Rio Grande do Sul com apoio do Programa Organização Produtiva de Mulheres Rurais e do Programa Nacional de Documentação da Trabalhadora Rural que terão suas ações integradas para garantir às mulheres o acesso à cidadania e aos direitos econômicos.
Serão beneficiadas 50 mil mulheres do campo e da floresta e suas organizações coletivas (grupos informais, associações e/ou cooperativas) integradas por agricultoras familiares, assentadas da reforma agrária, mulheres quilombolas, indígenas, extrativistas, pescadoras artesanais, aquicultoras familiares e ribeirinhas.
Os projetos, que terão abrangência estadual, vão beneficiar 29 Territórios da Cidadania, com investimentos de mais de dez milhões de reais em ações de gestão social, qualificação de equipes em economia feminista e políticas públicas, apoio à cidadania e acesso à documentação civil, trabalhista e jurídica, apoio à formalização de grupos, gestão e comercialização, além do apoio à participação e gestão territorial.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente essa Postagem

Postagens populares

ONU Brasil

Portal IBRE

São Paulo

Postagens