As 7 Maravilhas da Natureza eleitas pela New7Wonders

As 7 Maravilhas da Natureza eleitas pela New7Wonders
A América do Sul ganhou com a Floresta Amazônica e a Foz do Iguaçú

terça-feira, novembro 22, 2011

ONU

Conferência em Tóquio elogia crescimento verde na Ásia e pede ação de indústrias verdes.



A aplicação de técnicas e práticas de conservação ambiental para beneficiar negócios, criação de novos empregos, comunicação e os consumidores é tema da Conferência de Indústria Verde, que ocorreu em Tóquio. Entre os dias 16 e 18 de novembro, 500 participantes de países principalmente da Ásia e da região do Pacífico estiveram na capital japonesa para discutir economia sustentável.

Durante a abertura da conferência, os participantes e o Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, enfatizaram que a Rio+20 será uma oportunidade para alcançar um novo comprometimento com os conceitos de Economia e Indústria Verdes. Eles lembraram ainda a necessidade de a Organização das Nações Unidas para o Desenvolvimento Industrial (UNIDO) e seus parceiros propor soluções no setor e definir atividades e objetivos, sem deixar de integrar as partes interessadas no processo.

“Apesar dos múltiplos benefícios, a Indústria Verde não foi amplamente implementada. Estou convencido de que políticas do governo e parcerias público-privadas podem servir como um incentivador da Indústria Verde. Essas parcerias e políticas são vitais para fazer a transferência de suporte técnico, utilizar técnicas de conservação energética, ambiental e de recursos, além do desenvolvimento de pesquisa e tecnologia. A colaboração entre empresários, acadêmicos, provedores de tecnologia, instituições financeiras e sociedade civil é fundamental se quisermos ver um crescimento sustentável”, defendeu o Diretor-Geral da UNIDO, Kandeh K. Yumkella.

Entre suas atividades, a Conferência oferece a oportunidade de unir as necessidades de tecnologia ambiental em países em desenvolvimento com a oferta internacional em tecnologia e práticas ambientais. O evento é organizado pelo Governo japonês através do Ministério da Economia, Comércio e Indústria e pelo Ministério das Relações Exteriores, em parceria com a UNIDO.

Fonte: OnuBrasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente essa Postagem

Postagens populares

ONU Brasil

Portal IBRE

Governo de Goiás

São Paulo